Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conciliação

Como um lírio colhido em planos superiores, você nasceu pra mim;
Veio trazer o seu encanto ao meu lindo jardim;
Dediquei com todo carinho o meu tempo a ti;
Por muitas vezes te  acalentei em meu planto;
Até dediquei o meu canto;
Á esse amor sem fim;
Por várias vezes esqueci-me de mim;
E hoje o que farei sem ti
Hoje minha poesia chora e lamenta a tua súbita partida;
Sem motivos aparentes, e sem ao menos um bilhete
Se despedindo de mim;
O tempo passa rapidamente e ainda na minha mente;
Há lembranças de você sem fim;
O lamento me atormenta, mas a vida continua;
Mas ainda não consigo entender a sua compostura;
Este amor ainda é forte, nada se apaga assim;
Ainda tenho esperanças de trazê-la pra mim;
O meu discurso esta acabando, todo dia me pergunto;
O que realmente fizestes por mim;
Meu coração esta destruído, acabado e ofendido;
Mas um dia conseguirei recuperar o tempo perdido;
Se não consigo te esquecer, encontrarei um novo amor;
A cada dia da minha vida renovará a minha dor.
Luciano Ricardo
Enviado por Luciano Ricardo em 31/08/2007
Código do texto: T631729

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luciano Ricardo
Salvador - Bahia - Brasil, 42 anos
81 textos (51567 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/17 20:56)
Luciano Ricardo