Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LEMBRE-SE

Lembre-se,
Que as horas passam,
E os dias ficam mais suaves.
Que nada é mais bonito
Que o vôo de certas aves.

Lembre-se,
Que as janelas se fecham
E portas se abrem de repente.
Que os casais se abraçam
E se amam profundamente.

Lembre-se,
Que a morte é certa
E que a juventude é passageira.
Que a saudade nos corrói
Com uma porção de asneiras.

Lembre-se,
Que as palavras flutuam
O que permanece é o desespero.
Que o homem se sacia
E se avantaja com certo esmero.

Lembre-se,
Que os vendavais sopram
E destroem as vastas paredes.
Que a solidão se impõe
Quando descansa na rede.

Lembre-se,
Que as coisas podem melhorar,
Que as tempestades vão sumir.
Que a brisa vai nos refrescar
Para que possamos dormir.

1.998
JOSE LINS
Enviado por JOSE LINS em 31/08/2007
Reeditado em 31/08/2007
Código do texto: T631920
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOSE LINS
Lins - São Paulo - Brasil, 62 anos
499 textos (31871 leituras)
26 áudios (1988 audições)
4 e-livros (116 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 22:41)
JOSE LINS