Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Incerteza

Queria poder não te suster
Não te ter em meu peito
Minha força é teu medo
Tua dúvida o meu respeito

Queria poder não te abraçar
Não te erguer em altares.
Cada momento é minha vida
Cada nosso desejo são vagares

Queria ter forças para te falar
Minha força nunca te falou.
Teria alturas de perdão
E momentos de solidez

Queria poder não te amar
Não te ter nos meus olhos.
Meu amor que nasceu
Morreria como as folhas.
Gilberto Cardoso
Enviado por Gilberto Cardoso em 31/08/2007
Código do texto: T632024

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Cardoso
Portugal, 48 anos
91 textos (2874 leituras)
1 e-livros (54 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 11:07)
Gilberto Cardoso