Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRISTEZA

Tem dia que a tristeza toma conta de mim,
acabando por estraçalhar meu sentimento,
para completar, a maldade,
o desalento,maltrata minha alma.

Faço uma coisa aqui, outra ali,
o dia não passa, caminha lento,
para complicar meu estado,
apenas a nostalgia se apresenta.

Nessa augústia, só eu sinto as lágrimas,
só eu que grito e ninguém me escuta,
não encontro o que procuro,
só eu sou abalado em minha estrutura.

E, assim, a noite chega
convidando para sonhar,
sonhos que nada trazem,
que nada acrescentgam,
a não ser chorar mais.

O tic-tac do relógio despertando o silêncio,
não sei se sinto calor ou frio,
os minutos desfilando vagarosamente,
e o desespero, se instalando novamente.

E quando a madrugada se avisinha,
trazendo como presente um calmante,
me diz de mais um dia que vem raiando,
porém, não garante a salvação
do que vem me matando.

No horizonte um desconhecido dia,
com ele o despertar de nova esperança,
ou será apenas uma desordena luz,
que ofusca, e para o inexistente
me conduz?
Wil
Enviado por Wil em 25/10/2005
Código do texto: T63262
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2613 textos (84518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:57)
Wil