Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SILÊNCIO

Sinto, pacato, as horas passarem;
Sinto, no meu recatado silêncio, seus passos calmos
Sinto, no medo da minha alma, sua presença em constante ronda
Sinto, pela honestidade que me cobram, sua doçura se afastar
Sinto... Que não deveria sentir:
Não deveria sentir vontade de tragar sua presença
Não deveria sentir vontade de tocar sua alma
Não deveria sentir um amor destemido que atropela preconceitos
Não deveria sentir minha alma em pé-de-guerra
Não deveria avançar pra dentro de ti a procura de calmarias
Só devo me calar
Só devo te querer no mais desmedido silêncio
Nunca esquecerei as regras:
Só posso te propor silêncios.
Zezin Novo
Enviado por Zezin Novo em 02/09/2007
Código do texto: T635519

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zezin Novo
Araguaína - Tocantins - Brasil, 53 anos
9 textos (459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 07:26)