Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um carro e uma estrada...

Ligo o carro e tomo o rumo da estrada,
A velocidade alta supre a imensa falta
De alguém que distante jaz enterrada...
Em plena madrugada um vazio me assalta,
Não tenho nada, sequer tenho um destino...
Só quero ir longe do fim que termino...
De punhos cerrados ao volante o asfalto afronto,
A solidão a única companhia que encontro...
O ritmo acelerado do meu coração
Acompanha o ponteiro da velocidade...
Meu peito machucado respira desilusão,
No banco do passageiro vazio, a verdade...
Ligo o rádio, mais uma fuga que tento...
Procuro uma canção que me dê alento
E de repente uma música me faz te lembrar:
“Quando a noite cai é que eu sinto a falta que você me faz...”
Aumento a velocidade, vou de encontro ao limiar...
“Saudade que não passa e não me deixa em paz...”
Aumento o volume, uma estrela cai no céu...
“Amei você sem truques, sem maldade fiz o meu papel...”
“Eu quis lhe oferecer o que ninguém lhe deu...”
E pensar que você mesma fez o que me aconteceu...
“Das mentiras, das palavras doces, me calou o teu olhar tão frio...”
“A beleza do teu rosto esconde um coração vazio...”
O limite do motor chega ao fim...
“Mas hoje posso ver que foi melhor assim...”
“Preciso te esquecer pra lembrar de mim...”
Piso rápido no freio e volto à vida...
“A vida continua...”
Na minha vida só você está perdida,
Perdida por culpa sua...
Sandro La Luna
Enviado por Sandro La Luna em 03/09/2007
Código do texto: T637050

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sandro La Luna
São Paulo - São Paulo - Brasil
865 textos (69846 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 13:16)
Sandro La Luna