Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CADA VEZ MAIS

(Poema dedicado à minha mulher)
 
cada vez és mais bonita
requintada
saborosa
como um porto
de colheita milenária
 
com poções de alquimia
e com a magia mate
operas só para ti
auto-permutações
fazes reserva privada
da proporcionalidade
e sem cosmética hard
seguras bem a linha
 
não penses que só penso
no design da garrafa
esteticamente falando
refiro-me à totalidade
ao teu ego de mulher
muito mais versátil hoje
e com maior fluidez
 
e eu que a piropos não sou dado
se te digo isto que digo
é porque com certeza
desta vez este caso
é mesmo muito sério






Leiria, Portugal
Orlando Caetano
Enviado por Orlando Caetano em 04/09/2007
Reeditado em 04/09/2007
Código do texto: T638174
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orlando Caetano
Portugal
172 textos (15886 leituras)
26 áudios (2971 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 20:40)
Orlando Caetano