Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMO...

Não seria essa a
Poesia...
Mas ela grita aqui
Dentro e tão forte
Me agita que não
Me contento,
De guardá-la em mim.
É,que o que me invade
Alimenta, e sem querer me domina...
E quando durmo em teu
Teu peito,me faço menina
E quando acordo em teus
Braços me faço mulher...
E quando choro,me faço
Pequena...
E quando serenamente me
Beijas,me faço gigante...
E quando incontrolávelmente
Te busco...
Sou poeisa brilhante,que encanta
Os teus olhos.
E contigo me perco,
E nos amamos,
Em sonhos e poesias
Gigantes e...
Indefesas.





Luciane Lopes
Enviado por Luciane Lopes em 04/09/2007
Código do texto: T638728

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luciane Lopes
Mirassol - São Paulo - Brasil, 46 anos
1215 textos (60255 leituras)
47 áudios (3086 audições)
1 e-livros (120 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 06:21)
Luciane Lopes