Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amantes da vida

Á noite pra eles é mais uma forma penetrante de estarem mais perto de qualquer prazer.
Ela, a mulher, o ama tanto que se faz admirar até o jeito frágil dele se expressar.
Ele, o amado, também se faz amá-la de uma forma que a impressiona.
E esses dois amores quando juntos, se tornam um só. Como se fossem os dois um só homem, como se fossem os dois uma só mulher... Como se fossem os dois uma só vida; um só amor; um só corpo, uma só alma, um só espírito...
Ela no auge de seu prazer o arranha as costas e morde-lhe a boca deixando marcas, porque ela por ele já foi marcada.
Ele sem piedade parece amá-la pelo avesso... é tanto o seu prazer, que ele a puxa pelos cabelos, lhe arrasta até à cama e a banha toda com sua língua, dando mordidas em teus seios... fazendo-a compreender que aquela forma bruta dele se dar são gestos de ternura.
Torto e errado foi o destino,  culpado na demora dessa união!
Essa forma voraz e sem piedade deles se darem ao amor e a cada um ao seu sexo é o que os fazem viverem de uma forma não repartida, toda essa volúpia dos amantes da vida.
Tulio Rodrigues
Enviado por Tulio Rodrigues em 05/09/2007
Reeditado em 15/12/2007
Código do texto: T639835
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Tulio Rodrigues). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tulio Rodrigues
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 33 anos
109 textos (5817 leituras)
9 áudios (308 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 12:28)
Tulio Rodrigues