Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O tempo dará a resposta

O amor é espontâneo
Acontece naturalmente!
Quando menos você perceber,
Mesmo sem querer,
Nem pretender,
O fato de se dar
Numa troca de carinhos,
Afetos, poemas, poesias,
Puxa você devagarinho
Lentamente e remove
Seu coração daquele mar de ilusão...
Triste solidão!

Então sua rotina
Muda de direção
Conforme sopra o vento
Embalado pelo talento
Na arte de se dar.
E deste mar onde mora a solidão,
Para longe navegará seu coração!

Essa sua dor
Torna o pensamento irracional
Faz crer em ilusão,
Mas são apenas vendas nos olhos
Que insistem em não ver,
Mas seus olhos procuram,
O coração sente
E sabe que a dor
Que vem do coração
É apenas ausencia de emoção.

Para poder amar
Basta estar só,
Pois é na solidão
Que brota a razão
E fala mais alto
Que o coração.

O coração vive de amor
Quando o próprio amor
Já está dentro dele;
A razão busca uma solução
Para acabar com a solidão
E faz da amizade
Um ato de solidariedade
Uma esperança
Para curar toda dificuldade.

Não quero provocar uma tempestade
Não pretendo sufocar
Quero a sua felicidade
Compartilhar amizade
Eu sei, corro o risco de me apaixonar,
Ma só sei o que eu não quero
Não quero deixar de amar.



Mauricio Chila Freyesleben
Enviado por Mauricio Chila Freyesleben em 06/09/2007
Reeditado em 06/09/2007
Código do texto: T641269

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mauricio Chila Freyesleben
Piçarras - Santa Catarina - Brasil, 44 anos
296 textos (15504 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 18:12)
Mauricio Chila Freyesleben