Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto da NOITE DE AMOR

Soneto da NOITE DE AMOR


Quando for poetizar novamente,
Em noite fria e enluarada...
Direi que amo a ti somente,
Que não quero ver-te amuada.


Vou beijar-te prazerosamente,
Falando palavras de amor,
Murmurando langorosamente,
Aquecendo-me no teu calor.


Nossos corpos bem juntinhos,
Com nossas bocas coladas,
Nossas línguas entrelaçadas...


Sexos unidos e, bem quietinhos...
Sentindo ambos, este prazer,
Gozamos juntos, eu e você...
tancredo
Enviado por tancredo em 27/10/2005
Código do texto: T64129
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tancredo
Valença - Rio de Janeiro - Brasil, 76 anos
118 textos (65283 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:17)
tancredo