Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O ciume mata o amor....

Dizem que tudo vale no amor
Que tudo tem lógica e medida
Uns amam ferindo e abusando
Outros na sua forma intemporal
Amor e algo que não se explica
Sente e vive, com medo e sem medo
Uns sao capazes de matar, maltratar
Dizem que é por amar demais
Outros aprisionam a alma dos amados
Subjugando, mandando e exigindo
Que sejam o que eles querem..
Falam que é por amor. por amarem
Demais, fora da lógica e da loucura
Outros amam no pretérito prefeito
Dando amor sem obrigar, livre
Aquele amor incondicional e puro
O amor que deixa a alma falar
Através do coração da verdadeira união
Poucos conhecem esse amor puro
Confundem o amor com possessão
O ter influencia no ser amado e companheiro
Apagando a chama do amor e da luz
Plantando as lágrimas amargas e tristes
Pois deixam de ser quem sao, submetidos
As imposições dos seres amados e fortes
Este amor que impera o ciume em doses letais
Que mata como ferros e enterra a vida
Nos trilhos de luz que passam a ser escuros
Na voz da revolta e do desamor e da desunião
Dizem que e ciumes do amor, que é paixão
Mas amor não tem nada disto quem ama
Verdadeiramente, não mata, não fere não magoa
Amor nos eleva e nos faz seres felizes e realizados
Ciume mata e enterra a bela palavra do amor...




Betimartins
Enviado por Betimartins em 06/09/2007
Código do texto: T641662

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Betimartins
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
1675 textos (97482 leituras)
9 áudios (899 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 11:56)
Betimartins