Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Menina da praia

Menina da praia.

Veja que a graça desfila,
Sem blusa e sem saia,
Na areia da praia.
Seu sorriso destila,
Ao calor desse sol,
De vermelho arrebol,
Que reflete nas ondas,
O desejo do mar,
Ansioso a esperar,
Nas visitas em rondas,
Pra beijar o seu corpo,
Num momento absorto.
Escultura divina,
A brindar meu olhar,
Invejoso do mar.
Seu andar me fascina,
Pois nos sonhos, esmaga,
Na areia que apaga,
As mensagens de amor,
Que com o dedo escrevi,
Desde o dia em que a vi.
Hoje sou sofredor,
Como tantos na praia,
Pois sem blusa e sem saia,
A menina desfila,
Solitária e sem ver,
Nem sequer perceber,
Tantos olhos perdidos,
Que seguindo seus passos,
Se afogaram em fracassos.




Condorcet Aranha
Enviado por Condorcet Aranha em 27/10/2005
Código do texto: T64170

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condorcet Aranha
Joinville - Santa Catarina - Brasil, 76 anos
106 textos (14597 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:22)
Condorcet Aranha