Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

sereia

na areia de seu deserto,
encontro o oásis benfazejo,
percorro as distâncias ,
entre a ânsia e a volúpia de te ver.
és o macho,
eu, a fêmea,
em um percurso concomitante,
entre a razão e o destino.
traços de nuvens dissipadas,
vestes diáfanas,
miragem,
vespertina névoa de saudade mitigada.

   gadênia
gardênia
Enviado por gardênia em 06/09/2007
Código do texto: T641797
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
gardênia
São Paulo - São Paulo - Brasil
397 textos (11591 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 06:21)
gardênia