Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como dois passarinhos

Como dois passarinhos
Arneyde T. Marcheschi

Como dois passarinhos,
nos escondemos no ninho,
em busca de equilíbrio,
na silenciosa eloquência
da noite calma e serena.
Não é fácil esquecer o
vicio da paixão,
preencher o vazio que nos
enche o coração de
desilusão.
Passada a tempestade
saímos voando lépidos,
voando pelas varandas coloridas
de nossos lábios
bebendo das fragrâncias vazadas
de nossos apaixonados corações.
Alçamos voo mais alto
e passamos por lugares
onde nos amamos e você
sussurrando: te amo, me
beija sem se importar
com o canto da cotovia,
ali a nos espreitar.
Nossos beijos de mel
atraem os beija-flores
que ali vão em busca de amores.
Contemplo os colibris
sugando os ares do céu
sugando nas flores o mel
para nos lábios da amada
suavemente depositar.
Sim, como dois passarinhos
saímos em alvorada
buscando o calor do sol
para aquecer nossa paixão
nos beijando, ouvindo
nossa preferida canção.
Esquecendo nossas rugas
que transformaram nossos
momentos em tristes
horas de amarga crise.
A chuva passou, e a
calmaria trouxe de volta a
paz e magia dos seus olhos
renovou minhas esperanças
de que foram apenas alguns
pingos de chuva, que
molharam nossa noite de amor.

Vitória.E.Santo 1/01/2007
www.vidatransparente.com.br

Arneyde Tessarolo Marcheschi
Enviado por Arneyde Tessarolo Marcheschi em 07/09/2007
Código do texto: T642280

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arneyde Tessarolo Marcheschi
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 68 anos
153 textos (4844 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 22:18)
Arneyde Tessarolo Marcheschi