Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUEM GOSTARIA DE SENTIR

Tenho um caso. Um não, dois .... na verdade ......
E você, tem algum caso  ?  Não !
Psiu ! Não quero respostas agora com vaidade.
Tenho um caso. Um não, dois .... na verdade .....
Sou compreendido até onde se possa imaginar
com amor, e luta que me possa gratificar.
Tenho um caso. Um não, dois .... na verdade .....
E você, tem algum caso  ?  Não !


Bravo guerreiro. Tenho pensado com cautela
como se fosse um grande arqueiro.
Enxergar profundo nos é difícil desde minha janela.
Bravo guerreiro. Tenho pensado com cautela
entendo que poucos não são capazes de dizerem
e outros tem a condição e não vêem por que não querem.
Bravo guerreiro. Tenho pensado com cautela
como se fosse um grande arqueiro.


Pisar firme, diante este joguete custa caro.
Agora, só não vê quem não quer .....
Siga em frente, reflita ! Não custa nada, e, é claro.
Pisar firme, diante este joguete custa caro.
Esta luta que se apresenta ferrenha, usa suas armas.
Use em nome do amor, o amor. Seus e meus carmas.
Pisar firme, diante este joguete custa caro.
Agora, só não vê quem não quer .....


Esta luta desonesta que costumamos verificar
a cada dia que passa, tem por obrigação ......
Estar fora do seu alcançe ..... longe estar.
Esta luta desonesta que costumamos verificar
Você é tão grande e ela de tão pequena tez
que com este corpanzil, aos fracos consolides.
Esta luta desonesta que costumamos verificar
a cada dia que passa, tem por obrigação ......


Aos fortes cegas, aos inteligentes enuvias consolado
aos brandos assustas, aos fraternos tentas corroer.
Você tão forte e grande, ajude-nos a sair deste emaranhado.
Aos fortes cegas, aos inteligentes enuvias consolado
Quando se canta; se ama, e quando se ama, se é nobre.
Aos fortes cegas, aos inteligentes enuvias consolado
aos brandos assustas, aos fraternos tentas corroer.


Por ser nobre nesta acepção se é grande, e convivo.
Nada nos derrubará, do contrário .....
Me deixa morrer. Da forma inversa não sirvo.
Por ser nobre nesta acepção se é grande, e convivo.
As estrelas nos inspiram a poetar ao vento ..... e via,
a chuva, ao sol, a noite, ao dia.
Por ser nobre nesta acepção se é grande, e convivo.
Nada nos derrubará, do contrário .....


Quando se traduz um simples olhar por devoção
ou um olhar profundo, onde se vê o poeta.
Fazemos mexer com o todo de qualquer coração.
Quando se traduz um simples olhar por devoção.
O verde dos prados me permitiram na vastidão
observar os corcéis ao longe; me apaixonei então.
Quando se traduz um simples olhar por devoção
ou um olhar profundo, onde se vê o poeta.


Vislumbrei ao longe, e só sentia uma luz,
o cantar dos insetos ..... a procurar das suas moradas.
Olhei .... Vi as três Marias, senti o nascimento de Jesus.
Vislumbrei ao longe, e só sentia uma luz,
vi os Reis Magos, e ninguém me diga que não ! Senão !
Eu pecador, a observar-lhes .... Senti no coração.
Vislumbrei ao longe, e só sentia uma luz,
o cantar dos insetos .... a procura das suas moradas.


Dá uma emoção tão grande e confusa;
mais parecia alegria,
quando me dei por conta, chorava ... encontrara a musa  ?
Dá uma emoção tão grande e confusa;
Reparei que via, mas não enxergava justa emoção;
aquilo tão lindo dentro do meu coração,
Dá uma emoção tão grande e confusa;
mais parecia alegria.


Num momento flutuei na paz
foi o máximo que o vivente vive.
Alegria, emoção, tristeza nos trás.
Num momento flutuei na paz
As estrelas fora do alcançe da criação,
Nada disto pude fazer e chorei em oração.
Num momento flutuei na paz
foi o máximo que o vivente vive.


Estes versos foram feitos nos jardins da ETFPEL ( Escola Técnica
Federal de Pelotas ), nos intervalos das aulas. Década de 70.
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 07/09/2007
Reeditado em 04/01/2009
Código do texto: T643150
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (121534 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 17:53)
tabayara sol e sul