Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anjo Azul

Ser o anjo que te guarda

a estrada que te guia

ser puramente estrela fria

ser noite , ser dia

 

Ser genuína nas palavras

que deduzem sentimentos

Nada além de eu mesma

Nem de ti e dos outros

 

Ser a ponte, ser pilar...

Ser a base em que te encontras

Como bêbado equilibrista

Manobrar os teus sentidos

 

Ser tudo e mais um pouco

linda,leve e solta...

Velar teu sono, invadir-lhe a vida

E como  ladra, roubar-lhe todos

os  Sentidos

 

Ser apenas aquela que veio azul

No teu caminho obscuro'

Para deixar que caminhes teus

próprios passos

e regozijar-me  por ser apenas isso.

 

É meu desejo, minha meta e meu

Sonho:

Nada além do que posso ter

Nem invadir teus oceanos...

 

Isso faz-me estranhamente feliz!

Pela primeira vez, sinto que sou gente

humana e anjo

pois alegro-me no teu prazer

 

Lúcia Gönczy

Lúcia Gonczy
Enviado por Lúcia Gonczy em 11/09/2007
Código do texto: T647819

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lúcia Gonczy
São Paulo - São Paulo - Brasil
47 textos (1021 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 21:13)
Lúcia Gonczy