Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARA SEMPRE TEU

PARA SEMPRE TEU
Jorge Linhaça

Na boca árida dos teus beijos,
,num estio de não mais acabar,
relembrando passados cortejos
dos teu beijos sob a luz do luar

racham-se-me os lábios ressecados
incha-se-me a língua ressequida
ávida pelos teus beijos molhados
esquecidos na estante da vida.

Ó senhora não mais me maltrates
não tornes deserto o meu coração
qu'ind'oje pelo teu anseia e bate

Esperando pela tua atenção
escrevo em versos meus disparates
delirando amor nesta insolação.


 
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 11/09/2007
Reeditado em 14/01/2012
Código do texto: T648125
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 56 anos
3724 textos (723556 leituras)
95 áudios (13142 audições)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:04)
Jorge Linhaça