Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JOVEM MULHER

(Para Fabrícia)

Ela tem apenas vinte e quatro aninhos,
Uns lindos olhos verdes de esmeralda;
Ao vê-la, fiquei doido por seus carinhos,
Desejei tê-la para sempre como amada.

Mas o samba os versos me lembrou:
“... Ela está no período sonhador,
E eu na idade de fazer bobagem...”
Um desatino que faço com coragem.

Mas não vou perder aquele lindo sorriso,
Aqueles olhos verdes não deixo escapar;
Que me convidam, e eu preciso renovar,
Estar com ela, junto a ela, quero e preciso.

A sua pele morena, queimada pelo sol,
Molhada pelo mar de uma água quente,
Contrasta com seus olhos perfeitamente,
Formando uma bela pintura de arrebol.

A bobagem está feita, agora é só partir,
Em busca da felicidade, do amor selvagem,
E só os destemidos encaram esse sentir,
Uma jovem mulher, ainda na flor da idade.
Lúcio Astrê
Enviado por Lúcio Astrê em 11/09/2007
Código do texto: T648196

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lúcio Astrê
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil, 60 anos
263 textos (10325 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 22:58)
Lúcio Astrê