Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Se preciso for morro!

Ainda que todos digam que ali mora o perigo
Continuo a beber na mesma fonte
Cada vez mais sedento de prazer
Simplesmente não sei viver sem você...

Os jardins que te rodeiam são intensos
O aroma dos mais puros incensos
Ao me distanciar de ti perco o sentido
Caminhos livres sem perigo, porém, esquisitos.

Prefiro a impetuosidade dos teus atos
A liberdade que não se compromete...
Que permanecer nos braços da calmaria
Abraçado para sempre a letargia.

Jamaveira
Jamaveira
Enviado por Jamaveira em 12/09/2007
Código do texto: T649117
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jamaveira
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 63 anos
1943 textos (97634 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 23:37)