Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Letras 0160 - Imortal



 

Imortal, sou tal qual minha alma,

o céu, as estrelas, a luz d'outra era.

Imortal minha paciência, a calma,

o silêncio, a angústia, a espera.

 

 

Imortal o grito que ecoa na noite fria,

o sufocar do beijo afoito na cama vazia,

o gemido dos ossos, o amanhecer sem sol,

o dormir de corpo nu d'outra companhia.

 

 

Imortal a solidão que afasta o sol,

a boca que nega o beijo de paixão,

a procura de alguém que não existe,

a partida sem despedida, os pés sem chão.

 

 

Imortal amor que tenho no peito,

o instante eterno que vem da vida, o sorrir,

o beijo que me acorda na madrugada,

o sim sem perguntas, dormir... apenas dormir.

 

 

13/09/2007
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 13/09/2007
Código do texto: T650879
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 69 anos
4429 textos (116807 leituras)
1 e-livros (168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 13:15)
Caio Lucas