Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sempre Tu

Quando nada mais consola nada
na tristeza exposta
que me inunda em versos
na represa aberta...

Tu surpreendes tudo
que em mim te espera
a sorrir auroras
pra que eu seja festa.

Tu acendes luzes
nos acasos vagos
e me dás a noite
no olhar de estrela.

Sabes a maneira
de ajustar a casa
que te necessita
pra manter as flores.

Pois só tu deténs
um alento eterno
nesse jeito terno
de guardar-me em ti.
Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 13/09/2007
Código do texto: T650976

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (84967 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 14:47)
Vaine Darde