Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FOI ASSIM...

Foi assim...
quando ao olhar teus olhos mansos,
pousaste como folha soprada pelo vento
o teu olhar no meu.
Como um véu teu abraço me envolveu,
e larguei meus cabelos na cama de seus dedos
eternizando esse momento em meu eu
num instantâneo de sensações fragmentadas.

Foi assim...
quando enamorados, estatuamos o tempo
ficando parados e mornos
movendo só o mundo meu e o seu
em eternas e etéreas conversas
curtindo e temendo o tempo
sem ponteiro a nos circundar
perdidos na imensidão do nós
onde me encontrei em ti
e tu te encontraste em mim.

Foi assim...
quando recostei todo o meu corpo
no teu caminhar, segura de tudo
seguindo, sorvendo um ao outro
numa eternidade transcendental
até o outro dia,
e o outro dia,
e o dia seguinte

Foi assim...
quando na urgência da ânsia de apossar
sentida no mergulho de seus lábios
respiraste em mim
e eu inspirei de ti, toda a vontade
como um rio perene
que surge com as chuvas,
dando vida ao que parecia morto.

Foi assim...
numa energia sinestésica
seguindo firme, mas sem tocar o chão,
e norteados pelo amparo amoroso
o deslumbramento do corpo
nos levou ao choque absoluto,
numa felicidade una em dois
envoltos em voluptuosas dores e fantasias
nadando no suor que escorria.

Foi assim...
quando a redoma da alma, chamada corpo
cedeu a contínua dolência da paixão,
e desvendamos nosso cosmos invisível
revelando a parte minha
que eu não conhecia
e eu divisei a parte sua
que tu escondias.

Foi assim...
unindo dois mundos em um só,
que agora chamamos nosso,
que seguimos assim libertos, misturados e apertados
descobrindo cores nossas
nas nuvens, nas flores, nas rochas
cantando seu milagre em nós.
e assim nos deparamos com uma doce e estranha dor
de Saudade...


Gladys
Enviado por Gladys em 13/09/2007
Reeditado em 21/09/2007
Código do texto: T651185

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Gladys
São Paulo - São Paulo - Brasil
350 textos (28081 leituras)
1 e-livros (105 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 12:55)
Gladys