Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Erros Errados

Não deu certo, danou-se, tudo acabou
Essa história de amor ridícula
enfim terminou
Fala sério, você errou, eu errei, nós erramos
Erramos até agora
porque estávamos nos enganando
Enganando? E que enganos!
Enganados nós erramos
E enrolamos até agora
Pra não dizermos: nos amamos.
Mas não dá mais, agora já era
Por fim enfim nos separamos
E foi um final patético
Porque dissemos sem querer dizer
"Nós nos odeiamos".
A culpa não foi só minha
Nem foi toda sua também não,
A culpa foi de nós dois
Que perdemos a cabeça e a razão.
Você se estressou, eu me estressei
Estressados terminamos de uma vez
Mas terminamos o quê, se nem começamos?
Terminamos o que, sem querer, iniciamos
Iniciado iniciou-se o declínio para o fim
O fim de uma história (im)perfeita
Que foi o maior erro para mim.
E ao rasgar ao meio esse papel
Rasgou-se um coração em pedaços
Só um coração porque esses ridículos
Já haviam se unido sem que nós mandássemos
Rasgou-se rasgando o rasgado
Esse imenso pedaço
Do (nosso) coração acabado.
Emanuele Valente
Enviado por Emanuele Valente em 15/09/2007
Código do texto: T654207

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Emanuele Valente
Belém - Pará - Brasil
64 textos (2950 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 23:02)
Emanuele Valente