Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EXÍLIO DE UMA SAUDADE

EXÍLIO DE UMA SAUDADE

A cabeleira negra da noite adentra
A passos cadenciados, marcantes
A dançar com o luar, dama branca
Noiva eterna de um sol radiante

Feiticeira surge a inspirar os amantes
Perto, longe, ela é a mesma em toda parte
E onde quer que estejas quero te lembres
Na escuridão o amor também brilha, é constante.

Não te sintas sozinho, compreenda
Contigo vão meus versos, meu perfume
De rosa e minha alma viajante.

A distância pode nos manter separado
Mas a lua nos mantém ligados
Exilando a saudade para um país distante!
Tânia Mara Camargo
Enviado por Tânia Mara Camargo em 17/09/2007
Código do texto: T655916
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Mara Camargo
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 60 anos
508 textos (17576 leituras)
7 áudios (417 audições)
1 e-livros (32 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 13:04)
Tânia Mara Camargo