Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Posso Encher o Mundo de Felicidade

Minha imaginação lança vôo de mansinho
Começa como não quer nada com nada
Aos poucos fico tão grande e vou expandindo
Os pensamentos, frases e palavras saem na embalada

Apenas abro o peito e espero
Olhando pra frente, mas dentro de mim
O melhor de mim pra você eu quero
Por isso sai tudo tão bonito assim!

Meu coração acelera e sinto-o bater forte
A respiração acontece no pranayama
As vezes disparo a escrever sem corte
Meu Ser pra mim declama!

Apenas Ele me dirige a atenção,
Chego até virar minha posição,
Mostra-me de leve a direção...
Chega quase a manipular a minha mão...

Intercalo pausas de regozijo,
Enquanto me derrama a poesia,
O melhor de mim mesmo exijo...
Fico pasmo sem dor ou alegria...

Observo a evolução dos versos devagarinho
Que mudos recebem voz quando você os lê.
Plasmo em cada letra um pouco de mim com carinho
Tudo isso toma forma e tem um porquê...

Hoje meu interior está feliz e sossegado,
Pairando no espaço-tempo a todo instante...
O meu Amor por você querida está consumado...
Sua multiplicação manifesta-se constante...

Todo o poder construido por nós agora eu carrego,
Sou capaz de empreender muito pela humanidade,
Ajudar ao desconsolado, seja com olhos ou cego,
Você me deu tanto, que posso encher o mundo de Felicidade!
Leon del Bargo
Enviado por Leon del Bargo em 19/09/2007
Código do texto: T659594

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e seu email leondelbargo@yahoo.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leon del Bargo
São Paulo - São Paulo - Brasil, 56 anos
204 textos (12745 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 02:42)
Leon del Bargo