Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A PROCURA DE UM OLHAR

Sei que tantos olhares
perambulam pela noite infinda;
por que tantos outros adormecem,
se o meu te procura ainda?

A procura desse olhar
é como um pequeno gesto;
e se tenho tudo isso,
para que me serve o resto?

Será que é mesmo necessário,
que eu o encontre enfim,
já que procuro tanto por ele,
e ele não se acerca de mim?

A essa procura me dedico,
como a um sonho desgarrado,
prefiro essa suavidade morna,
a um gesto mais brusco, descontrolado.

Sei que esse gesto espontâneo,
não deve penetrar num olhar,
sem que a pessoa admita,
como a suavidade do sonhar.

Sabe-se que essas procuras
vão aos poucos desvanecendo,
como se as agruras tantas
suavizassem com o dia anoitecendo.
JOSE LINS
Enviado por JOSE LINS em 20/09/2007
Código do texto: T660657
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOSE LINS
Lins - São Paulo - Brasil, 62 anos
499 textos (31836 leituras)
26 áudios (1988 audições)
4 e-livros (116 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 20:38)
JOSE LINS