Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMORES

Tantos tiveram em minhas mãos.
Fantasias do coração.
Paixões incontidas fizeram chorar.

Inocentes, brejeiros,
atrevidos audaciosos...
Tudo em segredo.

Calado encanto desperta
um jeito diferente de amar.

Amores sacramentados.
Nunca vividos.
Como se o coração
fosse reserva para
o mais bandido.

Igual flecha de cupido
dentro o desejo
arrebata o peito.

Um pega para lá e cá,
conversa, sussurro...
Com fuga ou não,
incendeia, culmina.

Torna-se uma realidade.
O desconhecido e único amor
dos amores da vida.

Gildete Vieira Sá
Enviado por Gildete Vieira Sá em 21/09/2007
Reeditado em 26/07/2008
Código do texto: T661616
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Gildete Vieira Sá
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
1255 textos (28208 leituras)
1 e-livros (113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 08:38)
Gildete Vieira Sá