Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O SILÊNCIO NÃO RESPONDE



Onde estás?
Não me respondes.
Para onde fostes?
Hoje não te vi.
Quando penso,
Não te encontro,
Quando a encontro,
Não consigo pensar.
Mas que amor é esse
Se não posso te vê?
Sofro a ânsia
Por abstinência,
Ao prazer de ver
O sorriso da beleza,
O teu rosto de pureza,
Com semblante angelical.
Verto as lágrimas
Da tristeza, sem,
Suas mãos benfazejas,
A acostar ao meu peito.
Sem elas e insatisfeito,
Por não saber onde estás.
Dormes talvez em silêncio
Ou quem sabe se partiste,
Sei que a saudade existe,
Não me verás, já que,
Não mais me viste.

              Rio, 21/09/2007.
             Feitosa dos Santos
Feitosa dos Santos
Enviado por Feitosa dos Santos em 22/09/2007
Código do texto: T663453
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("Regra para USO: citar autoria de Feitosa dos Santos e o Site www.recantodasletras.uol.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Feitosa dos Santos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1392 textos (68142 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 14:21)
Feitosa dos Santos