Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOB A LUZ DO LAMPIÃO

SOB A LUZ DO LAMPIÃO
Jorge Linhaça

Vagueio pela noite, insone, solitário
sob a luz dos lampiões das avenidas
pensando na angústia de minha vida
fazendo do soneto o meu corolário

Sob a luz do lampião, esmaecida,
estanco e rememoro este meu fadário
as alegrias guardadas no relicário
as emoções a tanto tempo contidas

As sombras da rua minh'alma sombreiam
invade-me com força essa melancolia
a dor e a solidão já ora me desnorteiam

A luz do lampião é a minha companhia
as mariposas que ali borboleteiam
esperam comigo o raiar do novo dia

 
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 28/09/2007
Reeditado em 14/01/2012
Código do texto: T671720
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 56 anos
3724 textos (727396 leituras)
95 áudios (13154 audições)
1 e-livros (278 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:28)
Jorge Linhaça