Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MANANCIAL


O amor escondeu-se
não pôde brilhar,ser
inocente.
O amor recolheu-se,
passivo e latente.
O amor floresceu
sem normas,
sem mornas vontades,
sem piedades.
O amor bastou-se
sem poemas,
sem promessas,
sem problemas.
O amor não é
matemático,
nada prático,
ele é etéreo.
O amor é mágico,
sem cartola.
Equilibrista,
sem rede.
O amor tem sede,
mas bebe na fonte
que lhe batiza a fronte.
O amor resiste...
ele existe em mim,
O amor é FORTE!














Luciane Lopes
Enviado por Luciane Lopes em 28/09/2007
Código do texto: T671830

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luciane Lopes
Mirassol - São Paulo - Brasil, 46 anos
1215 textos (60264 leituras)
47 áudios (3086 audições)
1 e-livros (120 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 03:50)
Luciane Lopes