Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Espero

Como violetas esquecidas ao sol
Como livros esquecidos na poeira
Tal qual os dias de indefinida previsão
Espero
Como quem não tem pressa
Como quem passeia desinteressadamente
Como quem está acostumado a não ter medo
Espero.

Como quem precisa de um remédio
Como quem sofre de tédio
Como quem necessita desvendar alguns mistérios
Espero
Como se espera o expresso
Como se espera o início dum congresso
Como quem espera a chuva parar mesmo com pressa.

Espero como quem não quer nada
Mas quero!
Assim como a raposa quer as uvas
Eu quero!

E espero
O sol voltar como quem acredita em vida eterna
Como quem não se intimida em deixar a porta aberta
Como quem mais intui do que sabe
Como que para contentar-se
Enquanto espera o amar chegar.
 
Caroline Natalie Stroparo
Enviado por Caroline Natalie Stroparo em 04/11/2005
Reeditado em 03/12/2016
Código do texto: T67354
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Caroline Natalie Stroparo
Curitiba - Paraná - Brasil, 28 anos
88 textos (5587 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:20)
Caroline Natalie Stroparo