Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

De volta ao cais


Suas mãos apontaram-me o cais
Para eu embarcar no seu abraço
E os seus olhos de infinito
Nem me perguntou
Se eu devia seguir seu destino

Eu entrei na maresia
Você me levou
Em uma onda mansinha

Entreguei-me aos seus apelos
De um oceano de calmaria
Esqueci que quando tudo está sereno
Esquecemos de preparar as amarras
Para quando ao cais tiver que voltar

E naveguei
Banhei-me de delicias
De um mar de bonança
Entreguei-me a dança do mar
Sem amarras
Sem cais

E o tempo passou tão ligeiro
Pelas ondas do mar de te amar
Porque o sentido de tudo
Foi um vento de brisa
Entregue somente
Ao prazer de sonhar

E quando
Deixaste-me de volta
Espatifei-me nas pedras
Sem amarras
Sem poder
Ancorar
No cais...
Glorinha Gaivota
Enviado por Glorinha Gaivota em 30/09/2007
Código do texto: T675013
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glorinha Gaivota
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
893 textos (38483 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 16:07)
Glorinha Gaivota