Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PELO VERDE DOS CAMPOS

Demonstras alegria
nos olhos, nos lábios.
Acendem-se clarões
no teu e meu pensar.


Sentados na calçada
quantas alegrias
causaste-me,
pelo amor que sempre
dedicastes a mim.


Desde a noite
coberta pelo breu,
a noite celestial,
sempre ativa
tua dedicação por mim
que sei,
guardas bem no fundo do peito.


Isto, reconforta-me
rompe este coração
em desatino pelo teu amor,
que é belo e primitivo.


Que do peito
brotem ternura.
Que do coração
qual arco-iris,
estenda-se ....... O amor !
Que seus cantos
exaltem doces melodias
e versos estuantes.


Pra ser poeta !
É preciso esperança ......
Pois, isso significa,
sofrer - nada pedir -
Sentir como ninguém
vicissitudes
e dores
calados ao lunar.



Do Manuscrito:  Pra uma rosa com amor.
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 01/10/2007
Código do texto: T675476
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (122278 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 15:17)
tabayara sol e sul