Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Siga o vento

Quando virás beijar meus cabelos
e neles deixar teus lábios prescritos?
A noite é longa e o vento frio.
Meu âmago arde e tu não ouves meu grito.
Quando virás visitar a colina?
Os declives suaves esperam tua canção.
Num pulsar indômito já desejam o infinito
das tuas carícias, do teu querer, da tua paixão.
Ainda que demores e que a noite finde,
sei que virás porque tua carne freme.
Segue o vento e aporta o teu destino
em meu corpo que delira e geme.
Dora Leal
Enviado por Dora Leal em 01/10/2007
Reeditado em 02/10/2007
Código do texto: T676679

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Dôra Leal). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dora Leal
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
507 textos (25838 leituras)
1 e-livros (38 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 02:37)
Dora Leal