Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sopro



Soprei ao vento
Palavras de amor
Desejos, ternura.
Soprei minha alma.

Soprei, e o vento levou.

Quando retornou
Trousse - me esperança.
Desejos escondidos,
Palavras de imenso valor.

Soprei mais uma vez.

E o vento voltou em silêncios.
Caindo em si.
Decidiu que não há,
Espaço para o amor.

O vento,
Anda muito revoltado.

Mas o coração
Mesmo congelado
Continua soprando
Palavras de amor.


Marilene
02/10/07



Marilene Pacheco Teubner
Enviado por Marilene Pacheco Teubner em 02/10/2007
Código do texto: T676897

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marilene Pacheco Teubner
Urânia - São Paulo - Brasil, 53 anos
551 textos (16145 leituras)
1 áudios (29 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 14:41)
Marilene Pacheco Teubner