Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu cantinho


Meu cantinho, lá fico somente
A querer, olho os montes a colorir

Cheiro de relvas frescas, meus amores
meu passado lá no meu cantinho, o passado
se faz presente
 
Minha rede velha e firme, Balança no embalo
dos meus pensamentos.
A noite vejo a lua se banhar ficam às estrelas
que piscam no Compasso do meu balançar

Cantinho, doce cantinho do meu querer
O sol é meu amigo, a lua minha companheira, o vento sopra saudade de um amor distante ,minha ilusão de voltar no tempo faz as minhas dores doer
meu coração se aperta mais e mais, meu suspiro se confude com o sussurar do vento manso que me faz pensar no triste momento que te perdi ainda te vejo na minha mente indo e sorrindo da minha dor,
Doce Cantinho...
Carlos Antonio
Enviado por Carlos Antonio em 04/10/2007
Reeditado em 04/10/2007
Código do texto: T679940

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Antonio
Brasília - Distrito Federal - Brasil
67 textos (1955 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 09:58)
Carlos Antonio