Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Já não importa...







Nada importa se por acaso
Deixar-me ao abandono
Na beira do cais.

E neste teu gesto bruto
Meus olhos chorarem
As manhas frias dos chacais.

Não importa o temerário
Repouso do meu esboço
Ou as artimanhas das sombras
Profanas.

Não morrerei de tristeza
Na tua breve presença
Distante,

Se me fez feliz por longos
Breves anos ausentes
Não importa.

Esquece meu corpo translúcido
Opaco, simples orgânico.
Já sou um passado,em passos
Uma luz ao fundo,não importa.



demetrioluzartes
Enviado por demetrioluzartes em 06/10/2007
Código do texto: T682555

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (demetrio luzart). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
demetrioluzartes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
979 textos (36487 leituras)
12 áudios (773 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 09:40)
demetrioluzartes