Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Baila, Coração!

Baila, Coração!..
 
Baila, coração!..
Sai do claustro em que te coloquei!
Sai, passeia no espaço,
vai em busca de muitos abraços
que eu nunca mais te sangrarei!..
 
Já te sangrei em meu peito,
muitas lágrimas caíram,
muito choro contive,
numa tristeza infinda
que só me causou dor de amor!
 
Não! Não mais quero essa dor!
Baila, Coração!
Faze da música tua companheira,
encontra um amante mais alegre do que eu!
 
Não quero mais chorar tristezas!
Quero sorrir alegrias,
te tratar melhor do que te tratei!..
Fazer de ti algo belo e precioso
que estava escondido em meu peito.
 
Coração,
nunca mais te sangrarei!..
Deixo-o livre,
carta de alforria
para amar,
viver,
sentir
meu amor que ainda é  só teu!
 
Eda Carneiro da Rocha
" Poeta Amor"
www.albumpoeticoeda.com.br
 
Poeta Amor
Enviado por Poeta Amor em 07/11/2005
Código do texto: T68298

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Poeta Amor
Araruama - Rio de Janeiro - Brasil, 81 anos
398 textos (14775 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:34)
Poeta Amor