Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BELA MADRUGADA

Na bela madrugada
Tua doce presença
Meu hálito procurava.
A casa vazia,
Somente inspiro teu cheiro,
Teu toque e teu desejo.
Minha alma se fez presente
Teu corpo se fez ausente.
As horas passavam
Os minutos te aproximavam
E, cada vez mais,
Sentia tua presença.
Finalmente,
Quando te vi
Disfarcei em meu corpo
O prazer de estar com você.
Tudo em vão.
O que o corpo escondia
A alma, minha essência maior,
Tinha o prazer em denunciar.
Em teus sussurros,
Em teus olhares
Em teu corpo arrepiado.
Meu desejo pôde se fazer presente.
O suór, nossa testemunha
Frutificava nossa união.
Paulo Araújo de Lima
Enviado por Paulo Araújo de Lima em 06/10/2007
Código do texto: T683319
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Favor citar o nome do autor e o link "paulolima.recantodasletras.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Araújo de Lima
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
174 textos (13770 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 07:58)
Paulo Araújo de Lima