Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LEMBRANÇA TRÁGICA

É vasta e longa esta primavera,
Que se entrecorta no tardio inverno,
Nesses relampejares amedrontadores,
Que atrasam a queda da folha,
A qual desprega dos galhos erectos,
Descrevendo movimentos arrebatadores,
Sob a fúria dos ciclones horrorizantes,
Fartos e incessantes desses tempos,
Acolhidos na forma de castigos,
Que imprimem dores e prantos duradouros,
Nos corações desalojados e nas faces luzidias,
Despregam do solo as frágeis construções,
Madeirames mal firmados desrobustos,
Ao sabor dessa valsa impiedosa e trágica,
Malsinadamente provinda das trevas,
De cujas luzes obscureceram inflamejantes,
Inquietos pesares, pinheirais caídos,
Rios transbordantes e turvos demais,
Inundando as várzeas ribeirinhas,
Sofrimentos dispendiosos, cedendo lugar
Aos intranqüilos sentimentos familiares,
Objetos flutuantes nas incertas correntes,
Pessoas e construções seguras, fortes,
Ilhados pelas torrentes impiedosas
Desses lamaçais temporariamente
Manifestos nas intempéries devastadoras,
Desses invernais presentes, acontecidos
Nas frentes frias dos ares parados,
Enquanto sonhos e esperanças grandiosas
Vão juntos nessas oscilantes correntes,
Dessas águas impuras e barrentas.

1.982
JOSE LINS
Enviado por JOSE LINS em 07/10/2007
Código do texto: T684367
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOSE LINS
Lins - São Paulo - Brasil, 61 anos
499 textos (31438 leituras)
26 áudios (1987 audições)
4 e-livros (114 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 09:01)
JOSE LINS