Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dá-me tua mão!

Dá-me tua mão.
A tua proteção,
é o chão que me sustenta.
Vem, acalenta-me.
Cobre-me com teu coração.
Mostre-me tua emoção.
Dá-me tua mão.

Teu amor é meu Porto,
onde ancoro sem licença.
Faça da tua presença,
o brilho,
no escuro do quarto.
A luz, na escuridão.
Dá-me tua mão.

Percorra,
meu corpo sedento,
nas curvas do desatino.
Cante o amor,
como um hino,
que brada a cada momento,
o timbalar da paixão.
Dá-me tua mão...

Sou a noite,
que te espera,
no vago da eternidade.
Silêncio,
ao final da tarde...
Sou lua de uma quimera,
quem sabe,
uma linda canção.
Dá-me, sim, tua mão...

Pois quero,
teus lábios nos meus.
Teu fogo,
no meu penetrando.
Meus olhos,
os teus encontrando,
sem qualquer traço de adeus.
Dá-me!
Tua mão, na minha mão...
Day Moraes
Enviado por Day Moraes em 07/11/2005
Código do texto: T68595
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Day Moraes
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil
137 textos (4782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:36)
Day Moraes