Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Voa Gaivota

Voa
Voa alma bendita
Como bendito foi o fruto
Que te fez gaivota
Voando na direção do firmamento
Batendo suas asas de felicidade
Liberdade, oh, liberdade.
Que te fez viajante
Sob a luz dos faróis cintilantes
Reinou eternamente

Voa gaivota, voa.
Massageia o ego de quem ecoa
O sorriso singelo
E o desejo mais belo
Da Paz sentida
Que por toda vida
Transpareceu no toque suave
Das mãos benditas e ternas
Que acarinhou e afagou semblantes doces
Marcados por fortes emoções terrenas

Voa gaivota, voa.
Mas voa feliz
Sem olhar para trás
Na velocidade cerimoniosa
 do pássaro que parte
Voa sem parar
Voa saudade, para nunca mais.
Até o dia em que eu for capaz
de novamente te tocar e te sentir
Felicidade, oh felicidade.
Voa gaivota, voe em paz.
Edimilson Eufrásio
Enviado por Edimilson Eufrásio em 08/10/2007
Código do texto: T686192
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edimilson Eufrásio
Mineiros do Tietê - São Paulo - Brasil
113 textos (6161 leituras)
2 e-livros (60 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 23:28)
Edimilson Eufrásio