Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A PRAÇA

Sabe amor !
Estive naquela praça,
lembras  ? A mesma
praça em que
amamos como nunca.
Aquela dos passeios amplos,
dos bancos sem encosto
do simples contato de tua mão.


Galoparam em mim
nuvens
lembranças
e bailados neste coração,
de repente ! Dissipou em minha mente
que estava faltando você.
Que tristeza .....
" Um sorvete grande, pra dois "
Não estavas pra pular
de alegria e espanto !
Pra meu coração
amenizar
por aquela dor
de estar só.


A multidão a correr alucinada
de um lado a outro,
e eu
como gavião pousado
na laje fria
a espera de você.


Relembrei com tristeza
e carinho;
nossos sonhos,
nosso amor
sentado naquele banco.
Sou êxtase
esperança
conforto pras minhas lágrimas
neste amor profundo,
vindo do meu peito.


Gloriosa tarde de encantamento.
Oh teatro do mundo meu !
A minha frente,
depois, dos transeuntes
prédios incólumes,
praias.
E eu, ah ! Sentado pensando fiquei
perdido nos meus pensamentos.




Do Manuscrito: Uma rosa em êxtase ....
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 09/10/2007
Código do texto: T686460
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (122346 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 21:15)
tabayara sol e sul