Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

o sinal

por que demoras a chegar?
lavei tua roupa todinha
não fiz minhas unhas, pois tinha
que as tuas primeiro fazer
trouxestes o esmalte que quis?
trouxestes o sonho infeliz
de não tornar a me ver?
ou viestes com a indecisão
de se tornar a mulher
que ama sem saber se quer
ou se é permitido à mulher
a outra querer pertencer?
esperas alguém pra dizer?
esperas que venha o sinal?
não importa, preparo o enxoval
à espera do que acontecer
quero só te dizer
que o que vieres decidir
não muda o que és para mim
não muda o que pode sentir
alguém que o ar que respira
o faz porque é como se fosse
o que lhe permite viver...
             

Rio, 13/08/2007
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 09/10/2007
Código do texto: T686656

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6796 textos (147444 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 14:49)