Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lobo solitário

Lobo solitário sem memória,
deixe que eu reescreva a tua história.
Vem meu menino!
Vem para o meu colo,
Sinta o calor do meu peito.
Vem! Vamos fazer do nosso jeito.
Escrever outros versos,
Outras versões,
Com rimas loucas,
Poesias com nossas bocas.
Vamos nos entregar as paixões.
Mundanas!
Insanas!
Vem lobo solitário!
Nossas tristezas ficam presas no armário.
Só eu e você, nenhum fantasma.
No momento certo,
Dois corpos tão perto!
De uma forma inesperada,
Não saberei onde começo,
Não saberás onde termina.
Numa entrega desesperada
Perdidamente apaixonada.  
Mel L Frankust
Enviado por Mel L Frankust em 11/10/2007
Código do texto: T689342

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mel L Frankust
Goiânia - Goiás - Brasil
749 textos (34699 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 08:10)
Mel L Frankust