Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema noturno




Poema noturno
============ErdoBastos



Hoje
todos os sons da noite
parecem falar comigo...
E me dizem teu nome
em coro,
como um castigo.
Quero abafar
a saudade no peito,
mas não consigo.
E tu aí, distante,
quando quero-te comigo!

Amanhã
o sol, de novo,
invadirá meu dia

e virarei meu corpo
procurando outra noite
na cama vazia.
ErdoBastos
Enviado por ErdoBastos em 13/10/2007
Código do texto: T692429

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ErdoBastos
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
789 textos (37727 leituras)
2 áudios (124 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 10:43)
ErdoBastos