Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUERER OCULTO


Vem a mim, meu delírio esconso e, sente
Que já não podes mais de mim te afastar
Ou em teu coração já não plantei a semente?
Vê a situação que me ponho a teus pés.
E, que te deixa assim tão alucinado,
A ponto de já não saberes mais quem tu és.
Bem sei o quanto te perdes em devaneios
Mas juras que tudo é mentira, acanhado.
E, embora os fins não justifiquem os meios,
Farei de tudo pra contigo encontrar...
Sei. Negas admitir o quanto és medroso
Por isso, ignoras que já estás a me amar.
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 17/10/2007
Reeditado em 13/04/2009
Código do texto: T698770

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48065 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 16:46)
Tânia Regina Voigt