Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERDOAR

PERDOAR

Lembrem-se a vida é muito curta,
veloz e cruel quando nos prendemos a coisas pequenas...
Vamos viver mais o amor e ensinar com o perdão...
Vamos dar menos importância ao que não é importante
e abrir mais os braços em abraços e os lábios em sorrisos...

Estas atitudes serão capazes de desarmar uma possível guerra,
olhares de rancor, pois o amor é capaz de derrubar barreiras
e de criar laços mais fortes entre as pessoas.

Lembre-se que somos seres humanos, em evolução,
aprendendo a cada dia.
Todos somos pequenos e imperfeitos,
se não perdoarmos àqueles que nos ferem
como poderemos querer ser perdoados,
pois também cometemos erros...

Quem pensar o contrário junte uma pedra
e atire em mim se eu estiver errado.

Lembrem-se meus braços estarão
sempre abertos para distribuir amor fraternal.
Eu também estou aprendendo e se possível
ensinando um pouquinho do que a vida me ensinou...

Mas tudo é sempre tão difícil
nem sempre as coisas caminham na direção que a gente quer
e as coisas acabam acontecendo diferente também
mas se possível me perdoe,
pois eu neste momento estou perdoando você
e é com amor no coração que digo isto...
MÁRIO FEIJÓ
Enviado por MÁRIO FEIJÓ em 19/10/2007
Código do texto: T700551
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MÁRIO FEIJÓ
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil, 65 anos
4765 textos (296121 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 15:40)
MÁRIO FEIJÓ