Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INDIFERENÇA!

 Do Baú, com carinho,    NVP.

   INDIFERENÇA ...
    Nídia Vargas Potsch


Hoje, "bati" de frente contigo
e não me deixei abalar,
como água que corrre sem alardear ...
Esperava alguma atitude parecida,
mas não a indiferença ao te olhar,
o não Amar!

Noutros tempos, a ansiedade,
mestra dos apaixonados,
fazia disparar forte
e desordenado o coração.
A saudade e a tristeza
viviam grudadas,
me pegavam de jeito,
atormentando-me deveras.
A distância insuportável,
controlava nossa separação ...

Hoje, seqüestrada desse mal,
serena, bem disposta,
não mais torturada por
possíveis assombrações,
pude observar muitos
e diferentes detalhes
que me passaram despercebidos,
que não se davam a conhecer ...

Como foi possível,
um amor tão belo e terno,
apenas nisso se resumir:
lembranças e recordações,
tão poucas,
para o encantamento havido,
se exprimir ...

Estou liberta! Estou aliviada,
sorrio prazerosa para a Vida!
Como na ultrapassagem
de um negro pesadelo
ou avalanche de ilusões.
Noto surpresa em teus olhos,
hoje turvos ...

Encontro-me inteira!
Sem palpitações enervantes
do coração,
posso afirmar,
sem receio algum de errar:
Será que foi amor? Não creio!
Apenas desejo e uma enorme
vontade de acertar ...


Nídia Vargas Potsch
@Mensageir@
Rio, 24/09/2006
Nídia Vargas Potsch
Enviado por Nídia Vargas Potsch em 19/10/2007
Código do texto: T701100
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nídia Vargas Potsch
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
293 textos (32228 leituras)
3 e-livros (45 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 00:27)
Nídia Vargas Potsch